Semana passada, Steve Jobs – como sempre! – deu mais um show na Macworld. Independente das opiniões sobre o novo Macbook Air. De longe Jobs faz algumas das melhores apresentações de produtos e serviços de tecnologia que já vi. O que me surpreende é que ele faz isso há mais de 10 anos, todo ano, na Macworld, na WWDC. Por que tão poucos copiam seu estilo minimalista e estusiástico?

Hoje estava lendo a BusinessWeek e me deparei com este artigo do treinador de comunicação Carmine Gallo. Achei interessante e como muitos de nós na comunidade de tecnologia fazemos palestras ou apresentações, grandes ou pequenas, acho que essas dicas valem muito a pena.

Eu não perco uma apresentação do Steve desde 1997 – a clássica, do seu retorno à Apple – e desde então, cada uma vem sendo melhor que a outra. Vocês podem achar algumas delas via YouTube ou YouTorrent+. A mais recente está disponível para download via iTunes ou para streaming, inclusive em qualidade HD.

Uma coisa que o autor não fala, mas tem que ser óbvio: seus produtos e serviços precisam ser BONS. Nem mesmo Steve Jobs consegue vender certos produtos e serviços que estamos acostumados a ver por aí …

Segue a tradução do artigo:

Faça uma Apresentação como Steve Jobs

Nosso treinador de comunicação explica os slides do ás da apresentação na última Macworld. O resultado? Um framework de 10 passos que você pode usar para surpreender sua própria platéia.

Quando o CEO da Apple (APPL) Steve Jobs começou a Macworld Conference & Expo deste ano, mais uma vez ele subiu o nível em termos de habilidade de apresentação. Enquanto a maioria dos apresentadores simplesmente passam informação, Jobs também inspira. Ele vende a carne e o espeto ao mesmo tempo, como um leitor comentou alguns anos atrás.

Eu analisei sua última apresentação e extraí 10 elementos que você pode combinar para maravilhar sua própria platéia. Tenha em mente que Jobs tem refinado suas capacidades pelos anos. Eu expliquei sua apresentação de 2007 e uma coluna anterior (BusinessWeek.com, 7/6/07) e em um capítulo em meu último livro. De qualquer forma, ele realmente chega ao que parece ser apresentações sem esforço, expandindo e explicando novamente.

1. Defina o tema. “Há alguma coisa no ar hoje”. Com estas palavras, Jobs abriu a Macworld. Fazendo isso, ele definiu o tema da sua apresentação (BusinessWeek.com, 1/15/08) e deu dicas sobre o anúncio do produto principal – o ultra-fino Macbook Air. Toda apresentação precisa de um tema, mas você não precisa entregar no começo. Ano passado, Jobs entregou o tema depois de 20 minutos de apresentação: “Hoje a Apple reinventa o telefone.” Uma vez que você identifica o tema, garanta essa entrega muitas vezes durante a apresentação.

2. Demonstre entusiasmo. Jobs mostra sua paixão por design de computadores. Durante sua apresentação ele usa palavras como “extraordinário”, “incrível” e “legal.” Quando demonstra uma nova funcionalidade de localização para o iPhone, Jobs diz “isso funciona animalmente bem.” A maioria dos apresentadores tem espaço para adicionar alguma originalidade em suas apresentações. Lembre-se, sua platéia quer ser surpreendida, não cair em tédio. Da próxima vez que estiver preparando ou entregando uma apresentação, pense sobre injetar sua própria personalidade nele. Se acha que alguma funcionalidade em particular é “incrível”, diga isso. A maioria dos apresentadores entre em “modo de apresentação” e sentem-se como se tivessem que tirar todo divertimento da fala. Se você não é entusiástico sobre seus próprios produtos ou serviços, como espera que sua platéia seja?

3. Dê um resumo. Jobs resume sua apresentação dizendo, “Existem quatro coisa que eu quero falar hoje. Então vamos começar …” Jobs seguiu seu resumo verbalmente abrindo e fechando cada uma das quatro seções e deixando claro a transição entre elas. Por exemplo, depois de revelar diversas novas funcionalidades do novo iPhone, ele disse, “O iPhone não está parado. Nós nos mantemos fazendo mais e mais melhorias. Esta foi a segunda coisa que eu queria falar hoje. Número 3 é sobre iTunes.” Faça listas e dê direção à sua platéia.

4. Torne os números significativos. Quando Jobs anunciou que a Apple havia vendido 4 milhões de iPhones até então, ele não disse simplesmente deixando o número sem contexto. Em vez disso, ele pôs perspectiva adicionando, “Isso são 20 mil iPhones todos os dias, na média.” Jobs seguiu dizendo, “O que isso significa para o mercado em geral?” Jobs detalhou a divisão do mercado americano de smartphones e a parcela da Apple para demonstrar quão impressionante esse número realmente é. Jobs também apontou que a parcela de mercado da Apple é igual à parcela dos 3 maiores concorrentes combinados. Números não significam muito a menos que sejam colocados em contexto. Conecte os pontos para seus ouvintes.

5. Tem criar um momento inesquecível. Este é o momento na sua apresentação que todos irão falar depois. Toda apresentação do Steve Jobs evolui para uma grande cena. Neste ano, foi o anúncio do Macbook Air. Para demonstrar quão fino ele é, Jobs disse que ele cabe em um envelope.

Jobs extraiu aplausos abrindo um envelope de manilha e segurando o laptop para todos verem. Qual é aquele momento memorável de sua apresentação? Identifique antes e evolua até ela.

6. Crie slides visuais. Enquanto a maioria dos apresentadores enchem seus slides com dados, textos e gráficos, Jobs faz o oposto. Existe muito pouco texto em um slide de Steve Jobs. A maioria dos slides simplesmente mostram uma imagem. Por exemplo, sua frase “A primeira coisa que quero falar para vocês hoje …” foi acompanhada de um slide com o número 1. Só isso. Apenas o número. Quando Jobs discutiu um produto específico como o iPhone, a platéia viu um slide com uma imagem do produto. Quando texto é apresentado, normalmente é revelado como sentenças curtas (três ou quatro palavras) à direita da imagem. Algumas vezes, não havia nenhuma imagem no slide, apenas uma sentença que Jobs entregava como “Existe alguma coisa no ar.” Existe uma tendência em palestras públicas de pintar uma imagem para a platéia criando mais efeitos visuais. Apresentadores que inspiram fazem listas curtas de texto e grandes gráficos.

7. Lhes dê um show. Uma apresentação Jobs ondas e fluidos, temas e transições. Já que ele está dando à sua platéia um show em vez de simplesmente entregar informação, Jobs inclui clipes de vídeo, demonstrações e convidados que dividem o palco. Em sua última apresentação, a platéia ouviu Jim Gianopulos, CEO da Fox Filmed Entertainment e Paul Otellini, CEO da Intel (INTC). Melhore suas apresentações incorporando multimídia, demonstrações de produtos ou dando a outros a chance de dizer algumas palavras.

8. Não se aflija com algum pequeno problema. Apesar de sua melhor preparação, alguma coisa vai errado como aconteceu nesta apresentação. Jobs estava para mostrar algumas fotos ao vivo de um web site, e a tela ficou preta enquanto Jobs esperava a imagem aparecer. Mas não apareceu. Jobs sorriu e disse, “Bem, eu acho que o Flickr não está servindo fotos hoje.” Então ele recapitulou as novas funcionalidades que havia apresentado. Só isso. Nada demais. Eu já vi apresentadores ficarem envergonhados com o menor dos defeitos. Não se aflija. Divirta-se. Poucos vão se lembrar de um defeito pequeno a menos que você chame a atenção deles a isso.

9. Venda o benefício. Enquanto a maioria dos apresentadores promovem funcionalidades dos produtos, Jobs vende os benefícios. Quando apresentou o aluguel de filmes pelo iTunes, Jobs disse “Achamos que existe uma maneira melhor de entregar filmes a nossos clientes.” Jobs explicou o benefício dizendo “nunca oferecemos um modelo de aluguel de músicas porque as pessoas querem propriedade de suas músicas. Você ouve suas músicas favoritas milhares de vezes em sua vida. Mas a maioria de nós assiste a filmes apenas uma vez, talvez algumas poucas vezes. E aluguel é uma grande maneira de fazer isso. É menos caro, não toma espaço no seu disco rígido …” Seus ouvintes estão sempre perguntando a si mesmos, “O que há nisso para mim?” Ouça a pergunta. Não os faça adivinhar. Claramente afirme os benefícios de cada serviço, funcionalidade ou produto.

10. Ensaie, ensaie, ensaie. Steve Jobs não pode dar uma apresentação intrincada com clipes de vídeo, demonstrações e palestrantes de fora sem horas de ensaio. Eu falei com pessoas de dentro da Apple que me disseram que Jobs ensaia a apresentação inteira em voz alta por muitas horas. Nada vem de graça. Você pode ver a apresentação ensaiada da Macworld porque suas palavras normalmente foram perfeitamente sincronizadas com as imagens e textos nos slides. Quando Jobs estava mostrando exemplos de filmes que estão disponíveis no novo serviço de aluguel do iTunes, um pôster de um filme em particular apareceu no exato momento em que ele começou a falar sobre isso. A apresentação inteira estava coordenada. Uma apresentação Steve Jobs parece sem esforço porque é muito bem ensaiada.

Tente usar todas as técnicas que descrevi acima na sua próxima apresentação. Então me diga como foi. Você pode enviar e-mail para mim em carmine@gallocommunications.com com suas opiniões ou postar comentários no artigo.

Carmine Gallo, treinador de comunicação de negócios e ganhador do Emmy-Award para ex-jornalistas de TV, é o autor de “Fire Them Up!” e “10 Simple Secrets of the World’s Greatest Business Communicators”. Ele escreve sua coluna de comunicação semanalmente.

comentários deste blog disponibilizados por Disqus