Mac Spotlight + Ruby + Limpeza

2008 May 26, 01:39 h - tags: mac obsolete

Outro dia eu estava com meu HD quase todo ocupado. Obviamente eu fiquei pasmo pois eu guardo quase tudo que não é essencial nos meus HDs externos, incluindo coisas como meu iTunes Library. Então pensei, “como diabos estou com tanto espaço ocupado?”

Abri meu GrandPerspective para dar um Raio X nos meus diretórios e encontrar quem era o culpado. Se eu trabalhasse mais com iMovie entenderia já que ele usa arquivos gigantescos. Não demorou para entender o que se passava.

Qual não foi minha surpresa ao encontrar gigabytes de arquivos de log! De aplicações Rails! Daí a conclusão era óbvia: como eu rodava constantemente suites de teste, eles vão acumulando rapidamente dentro dos test.log em cada projeto Rails.

Bom, vasculhar diretório a diretório de projeto seria maçante. Como estou num Mac a outra solução seria simplesmente abrir o Spotlight e usar a query “kind:log” dentro do meu diretório de projetos. Daí Command-A e Delete.

Mesmo assim, acho que ainda dá para fazer melhor. Nos Macs o Spotlight é acessível via alguns comandos que podem ser executados via terminal, como o mdfind. É um truque velho e sempre funciona. Já que é assim, por que não aproveitar que todo Mac vem com Ruby embutido e não fazer um scriptzinho de uma vez? Foi o que fiz, criei um “delete_logs.rb” no meu home com o seguinte conteúdo:

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
#!/opt/local/bin/ruby
buffer = `mdfind kind:log -onlyin ~/rails`
list = buffer.split("\n")
total = 0
list.each do |file| 
  total += File.size(file)
  File.delete(file) 
  print "."
end
puts "\nRecovered space: #{total / (1024 * 1024)}Mb"

Finalmente, “chmod +x delete_logs.rb” e voilá, agora ficou simples de me livrar dos logs.

Comments

comentários deste blog disponibilizados por Disqus